- Não mereço você, Patch. Não me importa o que diga. É a verdade.
- Concordo - disse ele - Você merece alguém melhor. Mas está presa a mim e é bom se acostumar com isso. […]

Finale, pág.239